O Natura Musical, plataforma de cultura da marca Natura, confirmou a abertura do edital 2021. A previsão é que as inscrições ocorram no mês de setembro, entre os dias 8 e 28. A plataforma busca por projetos musicais de todo o país e terá seleções específicas para a região Amazônica e para os estados da Bahia, Minas Gerais, Pará e Rio Grande do Sul.

O edital Natura Musical procura por projetos artísticos e iniciativas de fomento à cena que já atuam profissionalmente no mercado da música e que estejam comprometidos com a geração de impacto positivo. “Além de buscar experiências musicais que representam a nossa riqueza cultural e a pluralidade do que está sendo produzido artisticamente no Brasil, nosso olhar está voltado para projetos e iniciativas que possam gerar impacto positivo, com poder de promover a pluralidade, a inclusão, a sustentabilidade e a mobilização de público”, explica Fernanda Paiva, responsável global pela área cultural da marca.

Desde seu lançamento, em 2005, o programa investiu cerca de R$ 174,5 milhões no mercado da economia criativa. Em seus 16 anos de atuação, o Natura Musical patrocinou mais de 518 projetos em diversos estados do país, entre trabalhos de grandes nomes da música brasileira, lançamento e consolidação de novos artistas e projetos de fomento às cenas e impacto social positivo.

Em 2020, o edital do Natura Musical selecionou 43 projetos entre 2.647 inscritos em todo o Brasil. A seleção ocorreu por meio da curadoria de 22 profissionais do mercado da música em um processo que durou dois meses. Foram promovidos mais de 300 produtos e experiências musicais, entre lançamentos de álbuns, clipes, festivais digitais, oficinas e conferências. Atualmente, a plataforma tem 100 projetos ativos de artistas, bandas e iniciativas de fomento à cena, além da manutenção da Casa Natura Musical, em São Paulo, e de parcerias com fundos de cultura nos estados do Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Pará.